Feeds:
Posts
Comentários

Archive for 13 de setembro de 2019

Quem tem coragem… TEM!

Brasileira percorre Transiberiana com filha de 2 anos — Foto: Infográfico: Betta Jaworski/G1
Olívia sentada nas escadas de um dos trens que as duas pegaram para atravessar a Rússia. — Foto: Arquivo pessoal/Gabriela Antunes
Olívia sentada nas escadas de um dos trens que as duas pegaram para atravessar a Rússia. — Foto: Arquivo pessoal/Gabriela Antunes

Sem recorrer a agências, pediu ajuda a uma amiga ucraniana em Lisboa para entender o russo e acertar nos trajetos; ela teve que comprar cada trecho individualmente, porque o trem não permitia subidas e descidas com a mesma passagem (modalidade hop-on, hop-off).
Só com os bilhetes, calcula ter gastado, ao todo, 550 euros (R$ 2.460). Como ela escolheu viajar de forma econômica, também não pegou os trens de primeira classe.
Gabriela e Olívia em Moscou, na Rússia. — Foto: Arquivo pessoal/Gabriela Antunes
VEJA A LINDA HISTÓRIA COMPLETA… ELAS SÃO
BRASILEIRAS!

PARABÉNS!

CLIC:


. https://g1.globo.com/turismo-e-viagem/noticia/2019/09/13/em-aventura-na-transiberiana-brasileira-percorre-a-russia-de-trem-com-filha-de-2-anos.ghtml
Olívia, Gabriela e os (muitos) amigos russos que fizeram pelo caminho. — Foto: Arquivo pessoal/Gabriela Antunes
“Você percebe que esse não é um trem para turistas; é o meio de transporte da galera que vive aqui. Todo mundo viaja nele: [para] quem mora por aqui, esse trem é essencial – a veia central da Rússia”, contou.


Solidariedade
Anúncios

Read Full Post »

animais estranhos
Passarinhos-zebra

Para muitas espécies diferentes de aves, um parceiro não atraente geralmente significa que a fêmea deposita ovos menores.
No caso dos passarinhos-zebra, no entanto, é o contrário. De certa forma, é como se fosse para compensar a aparência pouco atraente do pai, a mãe dessa espécie coloca um ovo muito maior para o filhote crescer.
A esperança seria que a genética um tanto quanto menos favorável do pai pudesse ser compensada por mais espaço para crescer e uma maior oferta de nutrientes, que são os benefícios dos ovos maiores.

VEJA MAIS… CLIC:

. https://www.tudoporemail.com.br/content.aspx?emailid=13585

Read Full Post »

Resultado de imagem para gif boa noite gente

Read Full Post »

Read Full Post »

CARNE FEITA EM LABORATÓRIO!

Parece loucura, mas essa será a comida que o sistema nos ENTREGARÁ no FUTURO, muitas pessoas, requerem muitos animais, muito trabalho, tudo isso gera muito CO2 e aumenta o “aquecimento global” de acordo com as TEORIAS MENTIROSAS deles, então, o que fazer?? Enquanto dormimos o sistema trabalha arduamente para seguir na agenda global, e vemos que chegou a hora de empurrar goela abaixo do povo a falsa carne, totalmente feita artificialmente em laboratório, mas é claro que eles farão isso com a máscara de bons samaritanos, grandes artistas e cantores famosos vão “endeusar” tudo isso, se tornarão adeptos ao veganismo e lutarão pela causa da carne artificial para proteção do meio ambiente e do futuro… ESSA HORA CHEGOU, no vídeo de amanhã, estarei no 1º restaurante na Califórnia (Los Angeles – USA) a oferecer ao público a carne de laboratório e eu te pergunto: Já ATIVOU SUAS NOTIFICAÇÕES? Apareça por aqui, amanhã as 09:00 hrs da manhã, pois o assunto é preocupante e assustador! Como estava no livro de George Orwell: “Parece Carne, tem gosto de carne, mas, não é carne!” A agenda global continua… **Agradecimento especial à minha esposa Aline, pois foi quem me indicou sobre o tema e o local…

COMENTÁRIOS:


S.S7 horas atrás (editado)

Assistam o Filme 1984! Está tudo lá!
E olha que foi filmado em 1950 e pouco.


charles Silva7 horas atrás

O Burger King já está utilizando essa falsa carne,
é só prestar atenção no último comercial do BK


Kevin14%7 horas atrás

É triste saber que 90% do mundo acha que é teoria da conspiração.. Meus amigos me chamam de doente quando aviso eles, já nem perco mais meu tempo, só alerto quem tem o mínimo de consciência.

VEJA O CANAL DO THIAGO LIMA, NO YOUTUBE… VAI PODER OBSERVAR CONTEÚDOS “DO ARCO DA VELHA” QUE ESTÁ ACONTECENDO, MAS DIZEM QUE É “CONSPIRAÇÃO”.
SÓ NÃO VÊ QUEM NÃO QUER… CLIC:


https://www.youtube.com/channel/UCwQdXKdraEfNZv9b4IWFn5g/community?lb=UgxaZMpEL7mGhQzf4SZ4AaABCQ
A carne do futuro chegou. E ela não é feita de
A carne do futuro chegou. E ela não é feita de animais
As empresas Impossible Foods e Beyond Meat podem ajudar a reduzir o consumo de carne animal. Até as hamburguerias concordam.


By Frankie Celenza, HuffPost US

O hambúrguer tem alguma coisa que mexe lá no fundo da sua cabeça. As primeiras notas daquele cheiro de carne na chapa deixam clara sua prioridade imediata: achar a carne.
Por que os hambúrgueres nos enlouquecem? Talvez seja algum tipo de programação ancestral de milhares de anos, quando o homem começou a assar carnes sobre o fogo.
Pessoalmente, agora que tenho mais de 30 anos, me pergunto: “Frankie, tem certeza que quer comer isso?”
Tenho razões para evitar (às vezes) uma das minhas comidas prediletas.
A primeira é bem simples: às vezes não me sinto muito bem depois de comer um hambúrguer. Fico estufado e me sinto devagar, o que, convenhamos, é uma troca justa quando considero uma bomba de carne quente, sangrenta e cheia de sabor.
A segunda razão é minha saúde. Carne faz parte da dieta básica do americano, e a expectativa é que o consumo bata recordes neste ano. O americano médio come mais de 100 quilos de carne por ano, poluindo as artérias e também o meio ambiente. Ou seja, é insustentável.

Devo observar, entretanto, que abrir mão da carne nem sempre significa uma vida mais “saudável”. Embora 6% da população americana se identifique como vegana – era apenas 1% em 2014 –, isso não parece ter influenciado o problema da obesidade nos EUA.
O terceiro motivo para me abster da carne é o bem-estar dos animais. É difícil esquecer que, se você quisesse comer carne cem anos atrás, teria de matar o animal. Hoje em dia, o sentimento de culpa está muito distante do consumo.
Como satisfazer esse desejo de hambúrguer carregando esse peso nos ombros? A ignorância pode ser uma dádiva, mas idealmente encontramos uma solução melhor.

Apresentando a “fake meat”

A “fake meat”, ou carne falsa, pode ser a resposta. Há duas empresas encabeçando esse movimento que gosto de chamar de “comida do futuro”: Impossible Foods e Beyond Meat.
O produto da Impossible (impossível, em inglês) é servido exclusivamente em restaurantes e tem a fama de ter um sabor muito parecido com o da carne de verdade. Ele ficou famoso quando apareceu no cardápio de um novo restaurante do chef americano David Chang, o Momofuku Nishiki, em Nova York. Fiquei embasbacado com o aroma convincente e o “sangue” que escorria pelas minhas mãos. Hoje, o hambúrguer da Impossible é servido em 1 200 restaurantes nos Estados Unidos.
A Beyond Meat também tenta imitar carne de verdade, embora o resultado seja um pouco menos convincente. A empresa começou vendendo seus produtos em supermercados como o Whole Foods, junto da carne de verdade, o que desagradou a indústria da carne. Hoje a marca também distribui seus produtos para restaurantes.
Juntas, a Impossible Foods e a Beyond Meat já conseguiram quase 500 milhões de dólares em investimentos, com o objetivo de crescer as operações.

Mas falando sério. Do que é feito esse negócio?

Imagine um hambúrguer vegano que tenha cheiro e sangue, igualzinho ao hambúrguer tradicional. Não é cheio de grãos e sementes, não tem feijão, não lembra em nada aquelas antigas opções vegetarianas do passado. Só que os produtos da Impossible e da Beyond Meat são inteiramente feitos de plantas.

🙏🌷🦋🙏🌷🦋🙏🌷🦋🙏🌷🦋🙏🌷🦋🙏🌷🦋

O principal ingrediente do Beyond Burger é proteína de ervilhas, com adição de extrato de suco de beterraba para dar cor.
O ingrediente secreto do Impossible Burger, que é o mais convincente, é um composto chamado “heme”, que carrega o oxigênio no sangue dos seres vivos. É isso o que faz a carne ter gosto de carne. A equipe da Impossible descobriu um jeito de produzir heme usando plantas e um processo secreto de fermentação.


🙏🌷🦋🙏🌷🦋🙏🌷🦋🙏🌷🦋🙏🌷🦋🙏🌷🦋

Um representante da Impossible Burger disse ao HuffPost via e-mail que o heme criado pela empresa é “idêntico ao heme que os humanos vêm consumindo na carne há centenas de milhares de anos. Ele tem a mesma [profundidade] de sabor da carne, mas usa muito menos recursos [naturais]”.

Qual é o impacto ambiental da ‘fake meat’?

Esses hambúrgueres são melhores para a gente e para o planeta. O Impossible usa 75% menos água, gera 87% menos gases causadores de efeito estufa e exige um-vigésimo das terras necessárias para produzir um hambúrguer tradicional.
Mesmo que você não seja matemático, uma continha simples mostra que, se a Impossible conseguir atingir uma determinada escala, em teoria seus hambúrgueres custariam um décimo do concorrente tradicional. Se a carne de mentira realmente pegar, as redes de fast food serão praticamente forçadas as servir esse novo tipo de produto.
O site da Beyond Meat afirma que a missão da empresa inclui “ter impacto positivo na mudança climática, preservar os recursos naturais e respeitar o bem-estar dos animais”.

Onde encontro esses hambúrgueres?

Vários restaurantes nos Estados Unidos, até mesmo o Saxon & Parole, de Nova York, dono de uma estrela Michelin, oferecem Impossible Burgers em seus cardápios.
A maior rede de fast food a servir o produto é a White Castle, uma das mais antigas redes de lanchonetes dos Estados Unidos. O “The Impossible Slider” está disponível em 140 unidades da rede.
A carne do futuro chegou. E ela não é feita de
Jamie Richardson, vice-presidente da White Castle, explicou ao HuffPost que a rede decidiu experimentar o Impossible Burger porque os clientes vinham pedindo mais opções vegetarianas. Há 2 anos, a empresa começou a servir hambúrgueres vegetarianos da marca Dr. Praeger.

“A Impossible parecia o próximo passo”, disse Richardson. “Além disso, é um ótimo negócio para nossos clientes. Nosso Impossible Slider custa 1,99 dólar. Achamos que todo mundo deveria poder experimentar algo novo, e ninguém oferece esse produto a esse preço. Foi um golaço desde o começo.”

Embora a White Castle praticamente tenha inventado o negócio das redes de hamburguerias fast food em 1921 (e a empresa também criou o slider, um mini-hambúrguer), também é interessante considerar o que significaria um futuro sem carne. As empresas sempre buscam reduzir custos e aumentar a eficiência, e servir produtos como o Impossible Burger tem o potencial de transformar toda a cadeia de suprimentos da carne.
A empresa diz que sua missão é “transformar o sistema de alimentação global para sustentar o planeta e uma população crescente. Nosso objetivo é substituir os animais como tecnologia de produção de alimentos até 2035. Queremos que o Impossible Burger custe menos que a carne de vaca assim que possível, mas será necessário obter escala para que isso aconteça”.
Também vai ser necessário um produto melhor que a concorrência.

O sabor do sucesso

Você precisa experimentar. Para mim, as “carnes” da Impossible e da Beyond Meat têm sabor muito melhor que alguns hambúrgueres de baixa qualidade. Eles são provavelmente melhores que 80% dos hambúrgueres que eu comi na vida.
Mas o Impossible não satisfaz como hambúrgueres muito bons, como os dos restaurantes americanos J.G. Melon e Shake Shack. As duas empresas sabem disso e continuam desenvolvendo seus produtos para que eles possam concorrer de fato com a carne tradicional.
A Impossible nos diz que, num teste cego realizado em 2012, somente 6% dos participantes preferiram a carne de mentira. No mais recente, entretanto, a Impossible ficou com 48% das preferências.
O gráfico está apontando na direção de uma virada. Eu investiria na empresa, se eles deixassem. Bill Gates já investiu.

E a indústria da carne?

O que vai acontecer com a indústria da pecuária? A White Castle acredita numa mistura de carnes e opções vegetarianas. A Impossible afirma que o futuro será inteiramente baseado em plantas. A verdade pode estar no meio do caminho.
O sabor é a fronteira final. Um hambúrguer do J.G. Melon ainda é mais gostoso que o do Impossible Burger, mas a maioria dos hambúrgueres de verdade que eu comi até hoje não tinham tanto sabor – e é por isso que você deveria dar uma chance a essas opções inovadoras.

Empresas Impossible e Beyond Meats podem nos ajudar a reduzir o consumo de carne em um mundo superpopulado – e quem sabe você não descobre uma nova e deliciosa paixão?
*Este texto foi originalmente publicado no HuffPost US e traduzido do inglês.

. https://www.huffpostbrasil.com/2018/07/09/a-carne-do-futuro-chegou-e-ela-nao-e-feita-de-animais_a_23476360/
Resultado de imagem para A carne do futuro
Resultado de imagem para A carne do futuro
EMPRESA BRASILEIRA
Imagem relacionada
Google Imagens

“A indústria pecuária em larga escala é vista por muitos como um mal desnecessário”, diz o relatório. “Com as vantagens de novos substitutos de carne vegana e carne cultivada em laboratório em relação à carne produzida convencionalmente, é apenas uma questão de tempo até que esses métodos conquistem uma fatia substancial do mercado”.
A indústria de carne convencional gera bilhões de animais e gera mais de US$ 1 trilhão por ano. No entanto, enormes impactos ambientais causados por essa indústria foram evidenciados em estudos científicos recentes, desde as emissões que impulsionam a mudança climática até os habitats silvestres destruídos para a agricultura e a poluição dos rios e oceanos.

Empresas como Beyond Meat, Impossible Foods e Just Foods, que usam ingredientes vegetais para criar hambúrgueres, ovos mexidos e outros produtos, estão crescendo rapidamente. A AT Kearney estima que US$ 1 bilhão tenha sido investido em produtos veganos, inclusive pelas empresas que dominam o mercado de carne convencional. A Beyond Meat levantou US$ 240 milhões quando abriu capital, em maio, e suas ações mais do que dobraram desde então.

Outras empresas estão trabalhando no cultivo de carne em cultura de células, para produzir carne de verdade sem a necessidade de criar e matar animais. Nenhum desses produtos já atingiu os consumidores, mas a AT Kearney prevê que a carne cultivada em laboratório dominará o mercado, pois o sabor e a sensação da carne convencional são os que chegam mais perto da realidade, quando comparada às alternativas à base de plantas.
“A mudança para estilos de vida flexitarianos, vegetarianos e veganos é inegável, com muitos consumidores reduzindo seu consumo de carne como resultado de um ganho de consciência maior em relação ao meio ambiente e ao bem-estar animal”, disse Carsten Gerhardt, sócio da AT Kearney. “Para apaixonados por carne, o aumento previsto de produtos de carne cultivados em laboratório significa que eles ainda vão conseguir desfrutar da mesma dieta, sem o mesmo custo ambiental e animal associado.”

🙏🌷🦋🙏🌷🦋🙏🌷🦋🙏🌷🦋🙏🌷🦋🙏🌷🦋

O relatório estima que, em 2040, 35% de toda a carne será cultivada em laboratório e 25% serão substituições veganas; e ainda destaca a eficiência muito maior das alternativas à carne convencional.

🙏🌷🦋🙏🌷🦋🙏🌷🦋🙏🌷🦋🙏🌷🦋🙏🌷🦋

O potencial desconforto do cliente com carne cultivada em laboratório não será uma barreira, diz o relatório, citando pesquisas nos EUA, China e Índia: “A carne cultivada ganhará a longo prazo. No entanto, novos substitutos de carne vegana serão essenciais na fase de transição ”.

“De filés a frutos do mar, um espectro completo de opções está surgindo para substituir os tradicionais produtos de proteína animal por tecnologias de carne baseadas em vegetais e células”, diz Rosie Wardle, da Jeremy Coller Foundation, uma organização filantrópica focada em sistemas alimentares sustentáveis. “A mudança para padrões mais sustentáveis de consumo de proteína já está em andamento, impulsionada por consumidores, investidores e empresários, e até mesmo atraindo as maiores empresas de carne do mundo.”

No entanto, um porta-voz da National Farmers Union, do Reino Unido, disse: “A inovação e a nova tecnologia sempre foram fundamentais para o progresso da pecuária britânica. Embora a ciência da carne cultivada em laboratório seja interessante, a NFU acredita que há um grande potencial para a pecuária continuar sua jornada de produzir alimentos seguros, rastreáveis e acessíveis e continuará a fazê-lo enquanto o público exigir isso.”

VEJA O VÍDEO… CLIC:

. http://inovasocial.com.br/solucoes-de-impacto/carne-do-futuro/
ASSUNTO NOJENTO…

Read Full Post »

massas, saudáveis
massas, saudáveis
massas, saudáveis
massas, saudáveis
VOCÊ NÃO VAI ACREDITAR!!!
VEJA TODAS AS RECEITAS… SÃO MA-RA-VI-LHOOOOO-SAS!!!! CLIC:

. https://www.tudoporemail.com.br/content.aspx?emailid=3533

Read Full Post »

A imagem pode conter: flor, planta e natureza
🙏🌷🦋🙏🌷…

Hoje, 12 de setembro de 2019, são 23:57 horas aqui em Campinas – SP – BRASIL e faz um calor imenso… Tivemos as ilustres visitas dos seguintes países:

🙏🌷🦋🙏🌷🦋 … Reino Unido, Paraguai, Cingapura, Lituânia, Canadá, Suíça, Suécia, Polônia, Arábia Saudita, Irlanda, Tailândia, Argentina, Japão, Itália, República Tcheca, França, Alemanha, Espanha, Ucrânia, Portugal, Estados Unidos e Brasil… 🦋🙏🌷🦋🙏🌷🦋

🙏🌷🦋NAMASTÊ!🙏🌷🦋
🙏🌷🦋🙏🌷🦋 Mary 🙏🌷🦋🙏🌷🦋
A imagem pode conter: planta, flor, atividades ao ar livre, natureza e texto

Read Full Post »

Older Posts »