Feeds:
Posts
Comentários

Archive for 18 de julho de 2017

Resultado de imagem para spitz alemão

Spitz alemão anão 

Resultado de imagem para spitz alemão

Resultado de imagem para spitz alemão

Resultado de imagem para spitz alemão

O spitz alemão remonta da idade da pedra, a origem vem do Turfspitz (canis familiaris palustris) são as mais antigas raças de cães da Europa Central.

Resultado de imagem para spitz alemão

Resultado de imagem para spitz alemão

Resultado de imagem para spitz alemão

QUERO UUUUUUUMMMM…

hahaha nunca pensei que teria essas “crises”… kkk

Resultado de imagem

Resultado de imagem para spitz alemão

VAMOS MORRER DE FRIO AQUI HOJE… AFFF… KKKK SÉRIO! A COISA TÁ BRABA!!!

Resultado de imagem para spitz alemão

CAMPINAS – SP – BRASIL

TEMPERATURA AGORA É DE 11 GRAUS… NORMALMENTE TEMOS 28, 30… UI! kkkkk

Resultado de imagem para spitz alemão

Resultado de imagem para spitz alemão com chapéus

Resultado de imagem para spitz alemão com chapéus

Resultado de imagem para spitz alemão com chapéus

Google Imagens Lindas!

Anúncios

Read Full Post »

Vereador de Juru foi picado por cascavel e matou cobra com mordida, no Sertão da Paraíba (Foto: Álvaro Teixeira/Arquivo Pessoal)

Vereador de Juru foi picado por cascavel e matou cobra com mordida, no Sertão da Paraíba

(Foto: Álvaro Teixeira/Arquivo Pessoal)

Um vereador do município de Juru, no Sertão paraibano, recebeu alta hospitalar nesta segunda-feira (17), após ser picado por uma cobra cascavel e matar o réptil com uma mordida na região da cabeça. O caso aconteceu com o vereador Álvaro Teixeira (PSB), de 36 anos, na última quinta-feira (13). O animal não resistiu ao golpe e morreu.

Teixeira explicou que costuma ir diariamente a uma propriedade que possui a 5 quilômetros de Juru. Na quinta-feira, ele foi ao local sem bota para colher palma. Foi quando o animal deu o bote. Segundo o vereador, a cascavel tinha cerca de um metro de comprimento.

“Senti a fisgada na perna. Quando olhei, era uma cascavel. Daí eu peguei e mordi ela, porque eu fiquei com muita raiva na hora, foi instinto”, contou o vereador.

“Reagiram com espanto pelo fato de eu ter pego e matado a cobra com o dente. Como é um animal muito repugnante, causa logo medo. A cascavel é bem característica porque tem a base, quando você vê, corre, desmaia, sai de perto. Eu não. Tenho um certo costume, fui criado no campo. E já tinha isso na cabeça: no dia que uma cobra me morder, eu mordo ela”, disse.

Vereador passou cinco dias internado e tomou 15 soros após picada de cascavel (Foto: Álvaro Teixeira/Arquivo Pessoal)

kkkkk num guento, gente… êta BRASIL… kkkkk 

http://g1.globo.com/pb/paraiba/noticia/vereador-que-matou-cobra-com-mordida-apos-ser-picado-recebe-alta-na-pb.ghtml

Read Full Post »

Postagem de professora mostrando bom exemplo de gerente bancário viralizou (Foto: Reprodução/Facebook)

LEIA E SAIBA MAIS, CLIC:

http://g1.globo.com/rj/sul-do-rio-costa-verde/noticia/gerente-de-banco-senta-no-chao-para-atender-deficiente-e-foto-viraliza.ghtml

Resultado de imagem para gerente atende deficiente

Read Full Post »

O fotógrafo David Goldman, da agência Associated Press, está no Ártico para mostrar os efeitos das mudanças climáticas. São imagens de regiões de degelo, afetadas pelo aquecimento global.

Goldman acompanha um grupo internacional de pesquisadores em uma expedição que irá durar uma semana na embarcação finlandesa MSV Nordica.

Veja as fotos:

Gelo está derretendo no Mar de Beaufort, na costa do Alasca. Imagem feita pela embarcação enquanto atravessava o noroeste de Ártico, neste domingo (16) (Foto: David Goldman/AP Photo)

Gelo está derretendo no Mar de Beaufort, na costa do Alasca. Imagem feita pela embarcação enquanto atravessava o noroeste de Ártico, neste domingo (16)

(Foto: David Goldman/AP Photo)

Embarcação navega entre o gelo do mar de Beaufort, no Alasca. O aquecimento global está derretendo o gelo marinho e as geleias, abrindo caminhos nunca acessados antes (Foto: David Goldman/AP Photo)

Embarcação navega entre o gelo do mar de Beaufort, no Alasca. O aquecimento global está derretendo o gelo marinho e as geleias, abrindo caminhos nunca acessados antes

(Foto: David Goldman/AP Photo)

Gelo flutua enquanto equipe de pesquisadores analisa os efeitos do aquecimento global no mar de Chukchi.  (Foto: David Goldman/AP Photo)

Gelo flutua enquanto equipe de pesquisadores analisa os efeitos do aquecimento global no mar de Chukchi.

(Foto: David Goldman/AP Photo)

Pesquisador Jussi Mikkotervo analisa os efeitos das mudanças do clima no Mar de Beaufort, na costa do Alasca (Foto: David Goldman/AP Photo)

Pesquisador Jussi Mikkotervo analisa os efeitos das mudanças do clima no Mar de Beaufort, na costa do Alasca

(Foto: David Goldman/AP Photo)

Tripulante da embarcação MSV Nordica observa o mar do Chukchi, no Alasca (Foto: David Goldman/AP Photo)

Tripulante da embarcação MSV Nordica observa o mar do Chukchi, no Alasca

(Foto: David Goldman/AP Photo)

http://g1.globo.com/natureza/noticia/os-efeitos-das-mudancas-climaticas-no-artico-fotos.ghtml

 

Read Full Post »

Resultado de imagem

O rock and roll da década de 1950 sempre me emocionou. Muito provavelmente porque essas músicas me remetem à minha juventude, quando eu estava começando a desbravar caminhos pelo mundo. Os fantásticos sucessos de Chuck Berry, Buddy Holly, Little Richard e tantos outros fizeram parte da minha trilha sonora e expressam a energia, juventude e rebeldia da época. Ouvi-los novamente (na verdade eu nunca deixei de ouvir) sempre me traz de volta aqueles dias ensolarados e cheios de vigor. E você? Quais suas músicas favoritas da época? Confira esta lista que preparamos especialmente para os amantes do verdadeiro Rock and Roll!

CLIC E ESCOLHA… OUÇA À VONTADE! 

http://www.tudoporemail.com.br/content.aspx?emailid=9900

Resultado de imagem para Rock anos 50

Resultado de imagem para Rock anos 50

Google Imagens

Read Full Post »

É paixão… rsrsrs

12 gatos persas em uma casa

Eu admito: não sei bem como reagiria se tivesse uma dúzia de gatos me encarando com olhos tão amorosos. Mas para uma senhora japonesa, é um sonho que se tornou realidade. Estes 12 persas chinchila entraram na vida de Yuki, primeiramente quando ela viu um deles abandonado na rua. Depois, ela adotou mais dois e eles se multiplicaram. E antes que ela tivesse percebido, a casa tinha sido tomada pelos felinos. Como você acha que seu parceiro reagiria se você copiasse esta senhora?

12 gatos persas em uma casa

12 gatos persas em uma casa

Yuki diz que ela não se importa com as pessoas que a criticam pelos gatos estranhos…

12 gatos persas em uma casa

12 gatos persas em uma casa

Ela diz: ”Eu estou feliz, então realmente não importa o que as outras pessoas pensam sobre ter esta quantidade de gatos”.

12 gatos persas em uma casa

12 gatos persas em uma casa

12 gatos persas em uma casa

Os nomes dos gatos são: Yuki, Shou, Momo, Blackie, Bruce, Kya, Karu, Yuri, Ai, James, Tiger e Goodie. 

12 gatos persas em uma casa

12 gatos persas em uma casa

 

12 gatos persas em uma casa

”Hora de brincar com a mamãe! Eba!”

http://www.tudoporemail.com.br/content.aspx?emailid=7717

Read Full Post »

•💞🍀🌹🌸🍃🌺🍃💐🌷🌺💞💞💞❤️❤️•💞🍀🌹🌸🍃🌺🍃💐🌷🌺💞💞💞❤️❤️•💞🍀🌹🌸🍃🌺🍃💐🌷🌺💞💞💞❤️❤️

Resultado de imagem para Sindrome de Irlen

💞🍀🌹🌸🍃🌺🍃💐🌷🌺💞💞🍀🌹🌸🍃🌺🍃💐🌷🌺💞💞🍀🌹🌸🍃🌺🍃💐🌷🌺💞💞🍀🌹🌸🍃🌺🍃💐🌷🌺💞

Resultado de imagem para Sindrome de Irlen

Resultado de imagem para Sindrome de Irlen

Resultado de imagem para Sindrome de Irlen

Resultado de imagem para Sindrome de Irlen

Resultado de imagem para Sindrome de Irlen

Resultado de imagem para Sindrome de Irlen

Imagens captadas por Ressonância Magnética Funcional de um paciente portador de Síndrome de Irlen onde se observa a hiperexcitabilidade cortical durante a leitura sob estresse visual e após a interposição de filtros seletivos individuais. (Copyright Steve Stanley, Australia)

A identificação da Síndrome é feita por profissionais da saúde e educação devidamente capacitados a identificar (teste de screening ou rastreamento) os portadores da síndrome, através da aplicação de um protocolo padronizado conhecido como Método Irlen, e classificar o grau de intensidade das dificuldades visuoperceptuais dos casos suspeitos9. O teste de screening é feito após avaliação da acuidade visual e sob correção refracional atualizada, quando necessária. Pelo screening verificamos os benefícios, com a supressão das distorções visuais, pela interposição de uma ou mais transparências coloridas selecionadas individualmente pelo portador da Síndrome de Irlen.

cores

http://fundacaoholhos.com.br/artigos/sindrome-de-irlen-dra-marcia-guimaraes/

Resultado de imagem para Sindrome de Irlen

Resultado de imagem para Sindrome de Irlen

Resultado de imagem para Sindrome de Irlen

Resultado de imagem para Sindrome de Irlen

Google Imagens

Resultado de imagem para Sindrome de Irlen

Resultado de imagem

*

•💞🍀🌹🌸🍃🌺🍃💐🌷🌺💞💞💞❤️❤️•💞🍀🌹🌸🍃🌺🍃💐🌷🌺💞💞💞❤️❤️•💞🍀🌹🌸🍃🌺🍃💐🌷🌺💞💞💞❤️❤️•💞🍀🌹🌸🍃🌺🍃💐🌷🌺💞💞💞❤️❤️•💞🍀🌹🌸🍃🌺🍃💐🌷🌺💞💞💞❤️❤️

Resultado de imagem para Dislexia visual

Resultado de imagem para Sindrome de Irlen

Assim seria a DISLEXIA VISUAL. A priori, quem tinha Síndrome de Irlen, era julgado como se tivesse DISLEXIA… e NÃO ERA!

Resultado de imagem para Dislexia visual

Resultado de imagem para Dislexia visual

Resultado de imagem para Dislexia visual

Resultado de imagem para Dislexia visual

Resultado de imagem para Dislexia visual

Resultado de imagem para Dislexia visual

Resultado de imagem para Dislexia visual

Resultado de imagem para Dislexia visual

Dislexia e os Superpoderes dos Disléxicos.

 

9/6/2017

|

Doutora Renata Jardini – (Extraído e adaptado do livro “Alfabetização e Reabilitação pelo Método das Boquinhas – Fundamentação teórica – JARDINI, RSR, 2010”)

 
 

Sintomas e fatores fortes do disléxico – Saúde disléxica 

A dislexia é comumente descrita enfocando-se os fatores fracos dos disléxicos, suas falhas ou sequelas, que são inúmeras quando comparadas às performances dos indivíduos ditos normais. 

O próprio educador e os pais podem relatar, com minúcias, todos os erros e equívocos que estes indivíduos cometem, sendo esta questão a grande problemática. Reparo, baseada em experiência clínica e em contato com inúmeros disléxicos com os quais convivo diariamente, em minha vida e rotina doméstica que a insistência em se enfocar o lado “doente” dos disléxicos é ver-se apenas uma parte de seu todo, que envolve um enorme potencial e brilhantismo quando reabilitados, além de suas inerentes fraquezas e equívocos. 

Talvez pelo fato dos disléxicos lidarem com os dois hemisférios cerebrais, direito e esquerdo, simultaneamente, muitas vezes sem predomínio de dominância cerebral, tenham potencialmente, mais facilidades para o ambidestrismo e a realização de inúmeras atividades ao mesmo tempo.

Quando reabilitados, conscientes de seu potencial e ao mesmo tempo de suas dificuldades, controlam a dispersão, desenvolvem a atenção e a disciplina, que são fatores fundamentais para o seu sucesso e alcançam êxito nas habilidades de linguagem. Costumo dizer que os maiores inimigos de um disléxico são a desorganização e a indisciplina, que devem, a toda prova, combater, mas por recursos pessoais, autoconscientes, não por arbitrariedade e imposição de seus pais e educadores.

Acredito que a ênfase deveria ser dada à “saúde” do disléxico, ou seja, suas potencialidades, que são, sem qualquer sombra de dúvida, ilimitadas, quando comparadas aos “normais”. Este enfoque, positivista do caso, tem sua importância para pais, professores e para os disléxicos em geral, pois lhes abre caminho para o sucesso, em lugar de fechar-lhes as portas. Isto é facilmente observável quando reabilitamos adultos disléxicos, que muitas vezes chegam aos consultórios com queixas indefinidas, que abrangem insatisfações pessoais com performances linguísticas abaixo de seu real potencial, além de problemas com a autoestima e colocações profissionais subestimadas em relação às suas competências.

LEIA E SAIBA BEEEEEM MAIS, MUITO LEGAL, CLIC:

https://www.oficinadainteligencia.com/single-post/superpoderes-dos-dislexicos

•💞🍀🌹🌸🍃🌺🍃💐🌷🌺💞💞💞❤️❤️•💞🍀🌹🌸🍃🌺🍃💐🌷🌺💞💞💞❤️❤️•💞🍀🌹🌸🍃🌺🍃💐🌷🌺💞💞💞❤️❤️

Read Full Post »

Older Posts »